terça-feira, 25 de novembro de 2008

A COLUNISTA DO MELZINHO ATACA NOVAMENTE

Ah, esses professores!
Cumprindo seu rotineiro mister de legitimar os atos e as ações do governo fascista da tucana Yeda Crusius, a colunista e editora de Política do tablóide Zero Hora - aquela mesma, a tal abelha - nos brinda hoje com mais alguns de seus pitéus mefíticos. Em uma das notas de sua "Página 10", a depuradora como que festeja o corte do ponto e o desconto de METADE do salário de novembro dos professores gaúchos, avaliando que eles "serão compelidos a voltar às aulas" (repare na escolha do verbo: é o mesmo que dizer: "vão ter que voltar na marra"). Nos parágrafos seguintes, esforça-se para explicar os "mal-entendidos" do projeto do Piratini voltado ao magistério. E, no final, tasca: "Pouco familiarizados com a complexidade dos textos legais, muitos professores entenderam que o projeto acabava com o adicional de um terço nas férias, quando é exatamente o contrário...". A pergunta que não quer silenciar é: se o famigerado projeto do governo fascista era tão maravilhoso assim, por que, diabos, o governo fascista precisou retirá-lo da Assembléia e reenviá-lo com uma emenda? Será que mesmo os deputados estaduais que o apreciariam também são "pouco familiarizados com a complexidade dos textos legais"? A untuosa jornalista poderia, ao menos, ter completado o serviço.

4 comentários:

bodegacultural disse...

pau neles!

zejustino disse...

Com areia e sem cuspo!

trombeta disse...

Abelhinha safada!

Anônimo disse...

sarcasmo ON (x) off ( )
Os vagabundos dos professores, que não tem mais nada pra fazer da vida é que não entenderam o bem que a nossa digníssima governadora estava fazendo.
Como eh que não conseguem entender uma coisa dessas... ABSURDO!