quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

FOLHA DE S.PAULO DESTAMPA SUAS FOSSAS

Editorzinho do jornalão ofende os brasileiros em artigo desrespeitoso.
Na véspera, editorial dos pulhas afirmou que não houve ditadura no Brasil Um certo Sérgio Malbergier, editor do caderno Dinheiro do jornal Folha de S. Paulo, acaba de dar uma cusparada na cara da maioria dos brasileiros. Em um artigo colérico, dedicado ao senador escravocrata Jarbas Vasconcelos, o desventurado refere-se à "boçalidade tão brasileira" de Lula, além de tratar o Presidente da República como o "último fruto podre da ordinária podridão partidária". O texto desse infeliz está no sítio da Folha Online. Se você tem estômago resistente, leia-o clicando aqui. Não será inoportuno lembrar que o autor do ultraje é o mesmo que, pouco tempo atrás, tentou colocar panos quentes sobre o genocídio praticado pelo estado israelense contra os palestinos da Faixa de Gaza (leia aqui). Pensando bem, este muar só podia mesmo pertencer à gang golpista da Barão de Limeira. A mesma que, anteontem, 17, publicou o seguinte EDITORIAL, afirmando que o que o Brasil viveu entre 1964 e 1985 não foi uma ditadura:
"Apesar da vitória eleitoral do caudilho venezuelano, oposição ativa e crise do petróleo vão dificultar perpetuação no poder O ROLO compressor do bonapartismo chavista destruiu mais um pilar do sistema de pesos e contrapesos que caracteriza a democracia. Na Venezuela, os governantes, a começar do presidente da República, estão autorizados a concorrer a quantas reeleições seguidas desejarem. Hugo Chávez venceu o referendo de domingo, a segunda tentativa de dinamitar os limites a sua permanência no poder. Como na consulta do final de 2007, a votação de anteontem revelou um país dividido. Desta vez, contudo, a discreta maioria (54,9%) favoreceu o projeto presidencial de aproximar-se do recorde de mando do ditador Fidel Castro. Outra diferença em relação ao referendo de 2007 é que Chávez, agora vitorioso, não está disposto a reapresentar a consulta popular. Agiria desse modo apenas em caso de nova derrota. Tamanha margem de arbítrio para manipular as regras do jogo é típica de regimes autoritários compelidos a satisfazer o público doméstico, e o externo, com certo nível de competição eleitoral. Mas, se as chamadas "ditabrandas" -caso do Brasil entre 1964 e 1985- partiam de uma ruptura institucional e depois preservavam ou instituíam formas controladas de disputa política e acesso à Justiça-, o novo autoritarismo latino-americano, inaugurado por Alberto Fujimori no Peru, faz o caminho inverso. O líder eleito mina as instituições e os controles democráticos por dentro, paulatinamente. Em dez anos de poder, Hugo Chávez submeteu, pouco a pouco, o Legislativo e o Judiciário aos desígnios da Presidência. Fechou o círculo de mando ao impor-se à PDVSA, a gigante estatal do petróleo. A inabilidade inicial da oposição, que em 2002 patrocinou um golpe de Estado fracassado contra Chávez e depois boicotou eleições, abriu caminho para a marcha autoritária; as receitas extraordinárias do petróleo a impulsionaram. Como num populismo de manual, o dinheiro fluiu copiosamente para as ações sociais do presidente, garantindo-lhe a base de sustentação. Nada de novo, porém, foi produzido na economia da Venezuela, tampouco na sua teia de instituições políticas; Chávez apenas a fragilizou ao concentrar poder. A política e a economia naquele país continuam simplórias -e expostas às oscilações cíclicas do preço do petróleo. O parasitismo exercido por Chávez nas finanças do petróleo e do Estado foi tão profundo que a inflação disparou na Venezuela antes mesmo da vertiginosa inversão no preço do combustível. Com a reviravolta na cotação, restam ao governo populista poucos recursos para evitar uma queda sensível e rápida no nível de consumo dos venezuelanos. Nesse contexto, e diante de uma oposição revigorada e ativa, é provável que o conforto de Hugo Chávez diminua bastante daqui para a frente, a despeito da vitória de domingo".

36 comentários:

Anônimo disse...

"...Assim, terroristas do Hamas disparam foguetes contra Israel cercados de mulheres e crianças, do meio de cidades super povoadas, torcendo para que um míssil israelense aniquile essas mulheres e crianças, cujos cadáveres, expostos quase como prêmios, são uma de suas maiores "vitórias" pois convencem alguns "humanistas" de plantão que os israelenses não são humanos.;;;"

Depois de mentir descaradamente e tentar travestir os fatos historicos esse sionista covarde no final do texto se diz contra mortes de civis.
Finalmente, creio eu, a realidade esta chegando a parte da populacao atraves da internet e seus blogs independentes ou nao haveria necessidade de colunistas mediocres como este Sergio tentar escrever falsas informacoes sem ter um pingo de talento para escrever e mentir.
De resto, mais uma licao de como alguem pode ser asquerosamente covarde apoiando os crimes de israel e a matanca de criancas e civis ja que nao tem a coragem de assumir sua canalhice

Fernando Romano disse...

"Ditabranda". É o FIM DA PICADA.

Anônimo disse...

Nunca vi esses energúmenos criticarem nenhum dos 17 países da comunidade européia em que é permitida a reeleição para sempre.

Beto_rio disse...

"Não por invenção, que isso vem de sempre, mas pela abrangência. A adesão do PT e outros neófitos às tetas podres de Brasília marca o fim de jogo da política brasileira, tão bem pontuados pelos escândalos sem fim da Era Lula. " Sérgio Malbergier - Folha S. Paulo

Concordo plenamente com esse parágrado, sobretudo por que trabalhei durante vinte anos no antigo DAC (Departamento de Aviação Civil), órgão ligado ao antigo Ministério da Aeronáutica, responsável normatização e controle técnico e das políticas da Aviação Civil. E pude ver o enterro do DAC, em 2003, e o nascimento da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil), que recebeu da noite pro dia, uma levada de petistas ávidos por querer saber que cargos pagavam nelhor. A Dra. Denise Abreu, indicada pelo José Dirceu, foi uma das que mais mandou, até que fez a besteira de encomendar a morte dos 199 passageiros das TAM, em 2007. Portanto, meninos, eu vi , não me disseram e nem me contaram. Eu vi com esses olhos que a terra há de comer, a chegada de pessoas desqualificadas, para tomar conta de um órgão técnico de extrema complexidade, com um efetivo de profissionais altamente técnicos, que de rependete se viram chefiados por burocratas petistas que conseguiram acabar com o controle da aviação civil no país, basta ver como essa atividade econômica vem se retraindo a cada ano.

Bíu disse...

Beto-Rio: você está no blog errado. Seu lugar é lá no Reinaldo Azevedo, ou no Noblat, ou no Josias.

Jurandir Paulo disse...

Cloaca, vc está de parabéns por ter conseguido ler tal texto animalesco. Não consegui chegar ao terceiro parágrafo do editorial. Tenho uma forte azia. Além de tudo, a direita é previsível, parece filme B, no meio vc já sabe o que vem à frente.

zejustino disse...

A Fôlha de São Paulo foi uma das empresas que sustentou a operação OBAN e, portanto, nem ela nem seus mercenários possuem moral alguma para questionar a democracia venezuela ou arrotar falso moralismo do tipo que o tal Beto_rio fez referencia ao utilizar o discurso de um papagaio da mídia esgôto.

"A Dra. Denise Abreu, indicada pelo José Dirceu, foi uma das que mais mandou, até fez a besteira de ENCOMENDAR a morte dos 199 passageiros das (sic) TAM, em 2007." O tal Beto_rio afirma nesta frase que a Denise Abreu ENCOMENDOU a morte dos passageiros. Uma vez que o tal Beto_rio esbravejou seu falso-moralismo contra os "petistas ávidos", por que êle não mostra as provas da ENCOMENDA que a tal senhora fez? Que tal mostrar a quem ela ENCOMENDOU? E se ela ENCOMENDOU quem foi o sujeito que sabotou o avião ou o aeroporto?

Esse tal de Beto_rio deveria explicar para nós porque a tal senhora compareceu a uma dessas CPIs encomendadas pela direita para culpar o governo Lula dos problemas da Aviação Civil. E lá, na CPI fajuta, ela fez caras e bocas muito bem festejadas pelos corruptos tucanos e pefelistas, além é claro das diversas cameras e repórteres ÁVIDOS para manchetear mais um escândalo da era Lula.

O tal do Beto_rio já está quase nos mostrando onde está verdadeiramente seu incômodo em relação à ANAC. Alguém perdeu uma boquinha lá e está procurando culpar outros pela frustração.

O Beto_rio deveria aceitar o conselho do Bíu e se mandar para o blogs mercenários do sujeitinho do chapéu ridículo (o do buraco na cabeça), do Noblablablat e do Josias (o misógino). O discurso abestalhado destes e do tal Malbergier é para aqueles que nasceram ontem.

Beto_rio disse...

Acho que deixei o tal do Zé Justino chateado demais. Não sei bem porque, mas talvez tenha sido porque citei o nome da charuteira Denise Abreu (aquela mesmo, que foi indiciada recentemente, por ter, na condição de Diretora da ANAC, levado em baixo do braço um documeno falso, para que a juíza de São Paulo liberasse a pista fosse liberada para aviões com pane no reverso. E foi um avião nessas condições que matou 199 pessoas em 2007. Talvez o Zé Justino prefira advogar em prol da charuteira, que agora passou à condição de ré em ação movida pelo misnitéio público de São Paulo. Quem sabe todo o minsitério público não esteja comprado pela direita para atingir a coitadinha da charuteira e o seu tutor (Outro indiciado n STF) o queridinho Zé Dirceu ?

Pois siba senhor Zé Justino, que eu nunca tive boquinha no antigo DAC, já que todos nós, civis e militares, éramos concursados. Porém, seus amiguinhos petistas quando chegam nas agências e nas estatais, chegam apadrinhados, com seu bom e velho DAS.

Eu sei que não foi Lula e nem o PT que inventaram esse sistema, mas que eles o tem aprimorado, levando-o a uma magnitude jamais imaginada. Se não fosse assim, de onde o partido iria tirar grana para se manter ?

Por último, quero dizer ao senhor Zé Justino, que eu tenho a plena certeza que se em 2010, o vencedor da eleição for o Serra, a Dilma, ou o diabo a quatro, esse sistema de indicação para colocar em postos-chave do serviço público os "cumpanheiros", nunca vai terminar. Talvez o Brasil seja o pais em todo o mundo onde mais se indica gente sem concurso para ocupar postos do serviço público. São quase 20.000 cargos em todos os escalões. Só pra se ter uma idéia, nos estados unidos esse número é menor que 1000. Por isso viava a nossa república. Viva O PT!!

Anônimo disse...

Beto -rio.

Cuidado, vc está partindo prá acusacoes sérias.

Se nao sabe o tamanho delas, pode se complicar.

Acho q, como embate de idéias, vale seu contraponto, mas como informacao, tá cheio de furos - e acusando seriamente pessoas e nomes.

Das 2 uma: ou vc adora falar asneiras MESMO, ou penteia macacos.

Inté,
Murilo

Márcio Costa disse...

Cloaca,

valeu pelo post. Muito bom! Parece que está voltando a lubrificar a máquina, depois de uma parada não muito estratégica, bem na hora que este valoroso blog estava bombando.

Mas tudo bem, o importante é que continua no combate.

Esta da "Ditabranda" é demais, não é mesmo? Talvez devemos perguntar aos familiares de cerca de 400 mortos e outros milhares de torturados pela tal, se concordam com qual dos adjetivos para qualificar aquele regime que a FSP apoiou: "Branda" ou "Dura"?

Para a colunista da Folha aprimorar o regime democrático, com reformas e consultas populares constantes, é retrocesso no sistema democrático e não evolução. Para ele o fato do regime ser de esquerda desqualifica o aprimoramento do sistema. Para o mesmo a democracia é um sistema estático que não deve ser tocado, que deve continuar engessado para privilegiar a elite. Quando se inicia algum processo de expandir os benefícios para os mais pobres tratá-se de "populismo".

Percebi que "A Cloaca" está começando a receber também comentaristas de direita. Isto é bom, pois como não tenho estômago para visitar as latrinas do jornalismo de esgoto na blogosfera, pelo menos somos aqui lembrados da ideologia, rancor, preconceito e elitismo desta galera. Assim ganhamos mais força para continuar lutando para que os mesmos não voltem ao poder.

Um abraço

Beto_rio disse...

Sr. Murilo / Anônimo

Saiba o senhor que as coisas que disse a repeito da charuteira Denise Abreu e dos petistas que se locupletam nos postos do serviço público, são de conhecimento público já há muito tempo, e por isso mesmo denunciado pela imprensa também há muito tempo. Como já disse também, não foi este governo que inventou esse sistema, de ocupar o serviço público pelo único critério do apadrinhamento, mas tem elevado e aprimorado esse sistema como "nunca antes neste país".

Quanto ao seu elogio, quando diz que talvez eu goste de falar asneiras mesmo, só tenho a lamentar pelo nível de argumentação que o senhor utiliza, o que só faz empobrecer o debate de idéias que este blog propicia. E se o senhor de mim discorda, por favor, ao invés de me ameaçar, apresente seus argumentos para defender aqueles que foram objeto da minha denúncia, pois estará fazendo melhor do que ofender os que possuem opiniões divergentes das suas.

Obrigado

Teresinha Carpes disse...

Era só o que faltava,nós os Lulistas,ou petistas estar sempre na defensiva!Vcs é que tem que se defender,foram corruptoss a vida toda,e agora tão com este dedo em riste,na nossa cara nos cobrando explicações?È muita cara de pau!

Anônimo disse...

Não podemos nos esquecer dos: "45 ESCÂNDALOS DO GOVERNO FHC"!
Obs.: Pouca coisa não acham?

Macka disse...

Essa é a folha que há muito afirmava ter o rabo solto? Penso que soltaram o rabo demais, alargou.
Tinha pensado em não votar mais, só que diante de tanta imbecilidade da oposição vou sufragar (verbo extinto com a urna eletrônica) Dilma - 13 . Sem dúvidas!

Anônimo disse...

Editorial da Folha? Nem ligo, a maior parte dos que lêem é para criticar, como você. Osque levam a sério, como ficamos sabendo através de recentes pesquisas, são 5%.

Anônimo disse...

Sinto muito Cloaca.

Isto vem se passando em alguns cyber-botecos de esqerda e, como pudemos saber há certo tempo, sao profissionais bem pagos, alguns escrevem direto de certa agencia do Banco Itaú - SP, e passaram a montar rede por todo o Brasil.

Já se sabe deles no RJ, em BH, em Salvador e, se vc checar o IP-address, pode até saber hora/local/de onde partem tais mensagens dos "isentos e éticos" (sic)

Entendem de pc´s, sao municiados das devidas "respostas e argumentos" prontos, sao bem treinados, participam tmbm dos jornaloes c/ nicks diferentes (repare no vocabulário, estrutura gramatical, argumentos, termos, linhas de raciocínio, etc).

Enfim, estao infectando vários blogues de esqerda tornando-os cyber-botecos horripilantes e, ao q parece, nao está sendo diferentre aqí.

Qerem impor a pauta, os termos, e até a conduta dos participantes.

Será q essa merda chegou ao Cloaca News?

Inté,
Murilo

Carlos Almeida Przybylski disse...

olá....enviei uma mensagem a este retardado mental do Malberger em seu e-mails, colocando ele em seu devido lugar, sem ofensas, na boa.
Ele, surpreendentemente, respondeu no estilo Cantanhede ( a musa da febre amarela). " cuidado com, o perigo petixxxsta!!!!"
É mais uma viúva do Brasil que quebrava ou dos sapatos inspecionados....É claro que ele não passa de um nada, um bosta do cavalo do bandido, apenas escreve o que mandam e deve até acreditar que petistas comem criancinhas assadas.....evidente que cabe aos petistas a ação contra este pestilento....eu apenas manifesto minha repulsa de cidadão.

Carlos Marques disse...

é impressionante como esse comportamento de chamar Chavez de ditador é papagaiesco. Todo repetidor idiota desse discurso midiático que me sai com essa eu pergunto: "ditador por que?"

a cada ponto esclarecido, vão tentando levantar outro que imediatamente é derrubado, até chegar no fato inegável que ele foi eleito, confirmado em referendo, o mesmo acontecendo com os projetos apresentados como ditatoriais. Aí fica inevitável assumir o teor demófobo desse discurso: o povo vota em Chavez 'por ignorancia e manipulação'. não conseguem admitir em hipótese alguma que o povo tenha condições de saber o que quer, e pior, que queira algo diferente do que imaginam esses senhores.

Beto_rio disse...

Senhor Carlos Marques

O Sr. me parece acreditar que esse plebiscito que Chavez fez, já agora pela segunda vez ( o que me leva crer que se tivesse perdido de novo, continuaria a fazer plebiscitos até que conseguisse seu intento), tenha realmente alguma coisa a ver com democracia. Então lhe pergunto : O Sr. realmente acredita que eleição é sinônimo de democracia ?

O Sr. nunca ouviu falar que o mundo está cheio de tiranias espalhadas pelos continentes, que se sustentam com eleições fraudadas ?(e olha que hj em dia, a fraude não é mais como antigamente, já que se pode fraudar de várias maneiras, até mesmo usando de chantagem e terrorismo).

O Sr. por acaso sabia que no Iraque, durante o governo de Saddam Hussein, sempre houve eleições que o reelegeram sempre com 100% dos votos, isso num país dividivo em grupos religiosos e étnicos diferentes, e o continuariam a fazer se ele não tivesse sido deposto ?(não estou defendendo a intervenção dos EUA, longe disso).

Pois é senhor Marques, talvez seja mais fácil acreditar que a Venezuela seja a verdadeira democracia latino-americana (democracia bolivariana), e quem sabe não deveríamos seguí-los e eleger Lula até 2040 ? Que tal, não seria uma ótima idéia ? Resta saber para quem !!

Jens disse...

A FSP assumiu, sem disfarces, a sua opção pela pela direita radical, a exemplo da Veja. Melhor assim. Combateremos em campo aberto, sem subterfúgios.

zejustino disse...

Ô Beto_rio, dê mais uma lida no que escrevi e veja se estou realmente defendendo a tal senhora charuteira. Se você não fosse tão enfezado a respeito dos "petistas" teria percebido no comentário o questionamento sôbre a felicidade dos tucanos e pefelistas na CPI em que a tal senhora compareceu apenas para arrotar bobagens contra o governo Lula.

Seu discurso contra o Chávez é repeteco da mídia esgôto. Se lá houvesse uma ditadura a mídia esgôto teria sofrido intervenção há muito tempo. Os jornais da Venezuela conseguem ser piores que os daqui quando se trata de defender os interesses dos mais abastados daquela sociedade. Por outro lado, as eleições são acompanhadas por dezenas de observadores internacionais e não há queixas quanto ao comportamento do governo daquele país.

O que incomoda mais a direita e seus papagaios é justamente o processo democrático. O golpe indecente, imoral e sujo cometido contra o Chávez e o fechamento do Congresso da Venezuela pelo ditadorzinho burguês serviçal do Departamento de Estado ianque não faz corar certos falsos moralistas. Estes, como sempre, ficam repetindo as manchetes abestalhadas da mídia esgôto que tentam de todas as formas desmoralizar o voto popular.

Ah! Antes que esqueça: VIVA O PT! Se não fôsse êle estaríamos a reboque da ALCA, sob o domínio do PCC e obrigados a assistir um sociólogo de meia tijela (com cargo de senador vitalício) a deitar falação a respeito das abobrinhas intelectualóides de abestalhados de primeira leitura.

Victor Zacharias disse...

Para adesão de todos A RESPOSTA:

Compa,


Como todos sabem a FSP produziu um editorial que nomina a ditadura imposta pelo Brasil de DITABRANDA o que é inconcebível para os que defendem os direitos humanos, além de ter ofendido dois nomes do mais alto apreço para os Brasil, a professora Maria Victória Benevides e o professor Fábio K. Comparato, fundadores da Escola de Governo de São Paulo, paladinos da ética e defensores da democracia participativa e republicana.

Victor Zacharias

Por isso, foi produzido um texto, que poderá se assinado por você no seguinte endereço:

http://www.ipetitions.com/petition/solidariedadeabenevidesecomparat/index.html

REPUDIO E SOLIDARIEDADE

Ante a viva lembrança da dura e permanente violência desencadeada pelo regime militar de 1964, os abaixo-assinados manifestam seu mais firme e veemente repudio a arbitraria e inverídica revisão histórica contida no editorial da Folha de S. Paulo do dia 17 de fevereiro de 2009. Ao denominar ditabranda o regime político vigente no Brasil de 1964 a 1985, a direção editorial do jornal insulta e avilta a memória dos muitos brasileiros e brasileiras que lutaram pela redemocratização do pais. Perseguições, prisões iníquas, torturas, assassinatos, suicídios forjados e execuções sumarias foram crimes corriqueiramente praticados pela ditadura militar no período mais longo e sombrio da historia política brasileira. O estelionato semântico manifesto pelo neologismo ditabranda e, a rigor, uma fraudulenta revisão£o histórica forjada por uma minoria que se beneficiou da suspensão das liberdades e direitos democráticos no pos-1964.
Repudiamos, de forma igualmente firme e contundente, a Nota de redação, publicada pelo jornal em 20 de fevereiro (p. 3) em resposta as cartas enviadas a Painel do Leitor pelos professores Maria Victoria de Mesquita Benevides e Fabio Konder Comparato. Sem razoes ou argumentos, a Folha de S. Paulo perpetrou ataques ignominiosos, arbitrários e irresponsáveis a atuação desses dois combativos acadêmicos e intelectuais brasileiros. Assim, vimos manifestar-lhes nosso irrestrito apoio e solidariedade ante as insólitas criticas pessoais e políticas contidas na infamante nota da decepção editorial do jornal.
Pela luta pertinaz e conseqüente em defesa dos direitos humanos, Maria Victoria Benevides e Fábio Konder Comparato merecem o reconhecimento e o respeito de todo o povo brasileiro.

Antonio Candido, professor aposentado da USP
Margarida Genevois. Fundadora da Rede Brasileira de Educação em Direitos Humanos
Goffredo da Silva Telles Júnior, professor emérito da USP
Maria Eugenia Raposo da Silva Telles, advogada
***
Andréia Galvão, professora da Unifesp
Antonio Carlos Mazzeo, professor da Unesp
Augusto Buonicore, doutorando da Unicamp
Caio N. de Toledo, professor da Unicamp
Cláudio Batalha, professor da Unicamp
Eleonora Albano, professora do IEL, Unicamp
Emir Sader, professor da USP
Fernando Ponte de Souza, professor da UFSC
Heloisa Fernandes, socióloga
Ivana Jinkings, editora
Marcos Silva professor titular da USP,
Sérgio Silva, professor da Unicamp
Patricia Vieira Tropia, Universidade Federal de Uberlandia
Paulo Silveira, sociólogo

Carlos Marques disse...

Não, beto, não acho nada dessas coisas que o senhor concluiu sei lá como. Esse expediente de criar espantalhos e sair batendo em cima dessa criação idiota é meio pueril.

João Paulo Ferreira de Assis disse...

O senhor Beto_rio me desculpe, mas a Venezuela é a Venezuela e o Brasil é o Brasil. Nós não temos nada com eles. Se lá plesbicitos e referendos favoráveis ao Chávez são considerados como expressão da democracia isto é lá com eles. E se o nosso Presidente fala que é um processo democrático o que se passa na Venezuela, faz ele muito bem, ainda que não seja assim. Como, conhecendo Chávez, Lula vai falar que a Venezuela é uma ditadura, se isto seria capaz de irritar o Chávez a tal ponto que ele poderia nos causar problemas. Sabe quantos quilômetros tem a fronteira do Brasil com a Venezuela? mais de mil.
Outro ponto questionável, você falou em eleger o Lula até 2040. Tem graça! Em 2040, se vivo, Lula contará com 95 anos!

zejustino disse...

Aos companheiros que não aceitam a tentativa de revisão histórica feita por um dos patronos da OBAN e pretendem participar do manifesto dos intelectuais, o endereço da petição é http://www.ipetitions.com/petition/solidariedadeabenevidesecomparat/index.html

Aqueles companheiros que não aceitam mas não participam de petições desse tipo por alguma razão, apenas a revolta e o debate entre amigos e parentes já contribuem bastante para que este país nunca mais esteja submetido a ditaduras de qualquer espécie e, inclusive, pela ditadura midiática que usufrui de concessões feitas pelo Estado utilizando-as contra a democracia com vistas nos interesses políticos, economico-financeiros e de seus sócios no Congresso ou em potencias estrangeiras interessadas na subserviência da Nação.

Carlos Marques disse...

Como eu disse, aos direitóides fantasiados de solenes defensores da democracia, quando um processo democrático não confirma sua vontade, só pode ser fraude ou prova da burrice inescapável do povo que é sempre manipulado e incapaz de decidir o que quer.

beto rio, tua demofobia é asquerosa.

Anônimo disse...

É engraçado, para não dizer ridículo, qdo as pessoas se metem a deitar falação (ou seria felação?) sobre a Venezuela, sem nunca terem lá estado lado ao menos uma única vez. Sem conhecer sua história, sua população, seu PIB, o perfil de suas dívidas interna e externa etc. E qdo falam dos jornais venezuelanos então! Aposto que nem sabem citar ao menos o nome de um periódico local. Pessoal, vão pentear macacos e limitem-se aos conhecimentos sobre Carapicuiba, se tanto!!!
Antonov, sampa

Marcos disse...

a despeito dos 84%, Lula é, realmente, uma anta bípede que tem como mérito seguir a política liberal de FHC que, depois de atravessar os efeitos tequila, saquê e merengue, conseguiu criar dispositivos de defesa da economia brasileira. Se não fosse isso e as bolsas família e ditadura, Lula não estaria na crista das paradas eleitoreiras.

Anônimo disse...

Marcos,

De esgoto vc veio?

Inté,
Murilo

Marcos disse...

Te digo de que esgoto: do PT, partido do qual fui fundador e no qual votei por anos até v~e-lo esfacelado e a turma de Zé Dirceu tomou de assalto a direção. Suplicy, o nome mais respeitado da outra banda, foi jogado a escanteio e quase perde a última eleição o que faria o praer da banda podre de Beroini e companhia.
Me defiro da maioria dos petistas por ter senso crítico e não me deixar engabelar com promessas de emprego, de cargo, de grana, de chapa pra campanha... Jamais quis algo do partido ou de seus diretores ou dos políticos eleitos, por isso posso falar de sobre meu banquinho que conheço os meandros dessa pocilga.
Me dói muito admitir que fui co-responsável na geração desse monstro; me dói ter que admitir que aquilo pelo que lutamos foi distorcido e violentado; é doloroso admitir que o partido que era diferente dos demais por ser o mais ético se tornou igual a todos, tornou-se um balcão de negócios escusos e seus dirigentyes usam das mesmas táticas que a direita antes endemoniada usava.

Marcos disse...

A propósito: tenho nome e coragem suficientes para não ter que me esconder no anonimato covarde.

trombeta disse...

Beto_rio e Marcos são a mesma pessoa. Conheço bem o tipo ex-alguma coisa, o cara era xiita depois fica xiita ao avesso, que nem aquela música do Chico. O problema é que esse tipo nunca foi esquerda e a conversão nunca demora a acontecer. Alguém já viu um reacionário virar militante de esquerda? eu nuca! Ex-mulher, ex-amante, ex-fumante, ex-funcionário da DAC demitido por incompetência... eta gente chata! Vocês já leram aquelas notinhas raivosas escritas por algum pseudo-cidadão indignado sempre contra o mesmo alvo na página 3 de ZH? é parecida com a chatiçe dos exs alguma coisa. Quanto à FSP pouco se tem a falar, é a ex (novamente) oligarquia cafeeira que migrou para a mídia com o mesmo discurso pré e pós- revolução de 30, pré e pós golpe de 64, com a diferença de ser dirigida, atualmente, por um yuppie reacionário e seu séquito de puxa-sacos, sempre defendendo seus interesses político-empresariais, um filhinho de papai que herdou um complexo empresarial e colocou-o à serviço da elite atrasada. O problema da direita e da elite brasileira é a sua perene falta de projeto para o país, com eles a coisa funciona assim ou aliam-se a interesses estrangeiros e lucram cobrando uma taxa pela entrega do patrimônio nacional ou estão à espreita descolando um golpizinho para defenestrar o governante não-alinhado, ou seja, ou são golpistas ou entreguistas, na maior parte do tempo os dois. hehehehehehehe

Stella disse...

É fato!! Os que metem o pau são sempre os ex-alguma coisa! Fui fundador do pt e bla bla bla... Ô coisa chata!!! Chata e previsível!!

Ary disse...

Esse Editorial da FOLHA não me surpreendeu,deveras.

A FOIA só confirmou o que de antemão já sabíamos de antemão,nos "anais" do panfletão do SERRA.

Aliás,o que será que SERRA pensa dessa "ditabranda" do Tavinho???

Ary disse...

OPS! De antemão desconsidere um antemão do meu comentário acima;

Anônimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ achat cialis
http://commandercialisfer.lo.gs/ vente cialis
http://prezzocialisgenericoit.net/ cialis dove comprare
http://preciocialisgenericoespana.net/ cialis comprar