segunda-feira, 3 de maio de 2010

CANDIDATA DA RBS AO SENADO PLAGIA CAMPANHA DE ANGELA MERKEL

.
Certamente, quem vive no Rio Grande do Sul já deve ter visto o pomposo filme publicitário assinado pelo Partido Progressista (PP), no qual a candidata do Partido da RBS ao Senado, Ana Amélia Lemos, prega a “boa política”.
A obra é boa e original. O problema é que parte que é original não é boa, e a parte boa não é original. Na verdade, trata-se de cópia descarada de uma campanha de TV, produzida em 2005, pela Christlich Demockratische UnionCDU (União Democrata-Cristã) para a atual Chanceler da Alemanha, Angela Dorothea Merkel.
.


A jornalista Ana Amélia, ex-Miss Lagoa Vermelha e estrela do clássico do cinema gaudério “Não Aperta Aparício”, deverá soltar nota, nas próximas horas, informando que “plágio é quando alguém teve a nossa idéia primeiro”.

20 comentários:

Germano S. Leite disse...

Quanta maldade! É óbvio que se trata de mera coincidência. Os vídeos em questão têm pouquíssimos pontos em comum. A candidata pepista, por exemplo, sequer fala em alemão!!!

Germano S. Leite disse...

Tem mais: a alemã se apresenta em um demodê terninho escuro, com uma blusa clara. Já a nossa candidata pepista, sempre bem alinhada, veste elegantemente um traje em tons claros, com uma blusinha escura por baixo. Ou seja, não tem nada a ver com o vídeo postado! Diria até que são opostamente contrários (ou contrariamente opostos, ou... sei lá)

Joaquim disse...

O plágio não é novidade. Eles copiam tudo da Globo por que não fariam o mesmo para mais um candidato RBS; o que foi mesmo que esta criatura fez na vida alem de ser profissional de TV ?
Pergunta besta...Brito,Yeda,Paulo Santana e agora a Ana Avélia.

Anônimo disse...

Sr. Cloaca quanta maldade! Angela Merkel não teve a brilhante ideia daquele objeto voador não identificado que bota fogo no papel! Aliás, coisa comum em mesas de escritórios.

Anônimo disse...

PP é conservador e sendo assim é claro que não tem idéias novas, o que vale são as antigas. E quando querem mostrar algo de novo é nisso que dá, roubam de outros, alias...falando em roubo, onde anda seu representante máximo aqui do pampa, o Sr. Germano?
Luis Carlos

NITX disse...

Fiquei curioso com o filme "Não Aperta Aparício".É pornochanchada?

Anônimo disse...

Considero Ana Amélia uma fraude como jornalista deste o tempo do governo Olívio. Lá de Brasília, ela criticava a ação do governo que proibia o plantio de soja transgênica lá pelos lados de Passo Fundo, numa área de proteção ambiental, onde se deveria plantar 10 km longe do local. A tal da fraude vendeu a idéia de que o RS teria grandes prejuízos por não utilizar tais áreas para plantio de SOJA TRANSGÊNICA. Se fosse séria, diria que não era proibido o plantio de soja convencional e que, portanto, o prejuízo não seria tanto assim.

Anônimo disse...

Não é plágio. Na verdade Ana Amélia e Angela Merkel são o resultado de uma experiência genética do médico nazista Mengele; uma ficou na Alemanha e a outra veio para o Brasil. As duas, portanto, tiveram a mesma ideia por serem irmãs. Chega de mistério: Ana Amélia é o clone de Angela Merkel em razão do macabro experimento do cientista nazista.

Carlos disse...

E os tucanos plagiaram o slogan do Obama, além da capa da Time com a foto do Obama

Blog do Charles Bakalarczyk disse...

Seu Cloaca, o filme não roda!

Aline Graziela disse...

Caso Boris Casoy
http://opovo.uol.com.br/diversaoearte/979569.html
Justiça nega indenização a garis do RJ

A Justiça entendeu que apenas os dois garis mostrados no vídeo poderiam mover a ação por danos morais, o que não aconteceu

Pedro Guimarães
especial para O POVO Online
03 Mai 2010 - 12h43min

Foi negado o pedido de indenização apresentado por 800 garis do Rio de Janeiro contra a emissora Band. Os profissionais entraram com a ação após o episódio em que o jornalista Boris Casoy fez um comentário, supostamente preconceituoso, no dia 31 de dezembro.

O apresentador não sabia que o microfone ainda estava ligado e deixou escapar, após o desejo de um feliz ano novo feito por dois garis, a seguinte declaração: "Que m... dois lixeiros desejando felicidades... do alto de suas vassouras. O mais baixo da escala de trabalho". No dia seguinte, com a ampla repercussão do caso, Boris Casoy pediu desculpa.

O 4º Juizado Especial Cível do Rio de Janeiro reconheceu que o comentário revelou um “constrangedor preconceito” do jornalista. A Justiça entendeu que apenas os dois garis mostrados no vídeo poderiam mover a ação por danos morais, o que não aconteceu.

Nei Simas disse...

URGENTE!!!
hoje à tarde haverá uma passeata em Brasília, levando a lista dos eleitores brasileiros contra a corrupção, para que os deputados votem o projeto de lei da "Ficha Limpa"
estamos quse chegando nos 2 milhões assinaturas; é importante chegar lá, por ter maior impacto
dura só um minuto para registrar
o site é
http://www.avaaz.org/po/brasil_ficha_limpa/?cl=56...
vamos enquanto é tempo, para ver e podemos evitar a eleição de novos e velhos ladrões, ainda em 2010
alguém já leu, viu ou ouviu isso no porco PIG???

Anônimo disse...

Seu Nei. Essa lista está incompleta. O Ze Dengoso não está nela, como muitos outros.

Anônimo disse...

Ah na Merdel Emos?

Anônimo disse...

Que nadaaaaa, Seu Cloaca. É tudo intriga da oposição =P

Anônimo disse...

O mais incrível é essa ana amélia achar que tem alguma chance. Coisa de gente da RBS, é a síndrome de zambiasi. O lasier que é bobo mas não é burro não caiu nessa.

Anônimo disse...

Mas o que eu lí no Twitter da "miss Lagoa Vermelha" é de deixar outras coisas vermelhas nela. Não é que a mulher tomou alcool puro num destes eventos do PRBS dela. Diz ela que "canha" só não resolve mais. Mas ela disse também que tomou muita água depois. Coisa de pinguça ressacada.

George Santos disse...

Ah.. falando em plagio, acho que hoje descobri onde o Estadao se "inspirou" pra fazer o novo design "mais arejado" do site Estadao.com... alguem duvida??

www.elpais.com

Nao parece o Estadao.com em espanhol?? Hehehe

Hermes Vargas dos Santos disse...

Tendo em vista a pouca serventia que tem o senado federal, aqui vai minha singela homenagem à Ângela Merkel dos pampas, ex-Miss Lagoa Vermelha e atriz figurante do "maior" épico do cinema guasca - "Não aperta Aparício" (José Mendes, 1969). O nome dela aparece na lista que aparece depois dos principais nomes (é a antepenúltima) ...
http://www.youtube.com/watch?v=ugVir72-cJY

Teresinha Carpes disse...

Ué cadê o meu comentário????