quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

PROCESSO CONTRA CHEFÃO DA RBS DESAPARECE DO SITE DA JUSTIÇA FEDERAL


















As informações sobre a Ação Penal movida pelo Ministério Público contra o capo do Grupo RBS, Nelson Pacheco Sirotsky, e seu sócio, Carlos Eduardo Schneider Melzer, por Crime contra o Sistema Financeiro Nacional, que estavam abertas à visitação no Portal da Justiça Federal da 4ª Região, foram misteriosamente ocultadas do conhecimento público. Curiosamente, o sumiço deu-se logo após este e outros blogs divulgarem o litígio.
Já as informações sobre a Ação Civil Pública de Improbidade Administrativa, em que a ex-governadora tucana Yeda Crusius é ré, ao lado de outros elementos, continuam disponíveis no mesmo site (a propósito, o valor da “causa” é de R$ 44 milhões).

25 comentários:

DeGaucha disse...

Parabéns pela divulgação e depois tem pessoas q dizem q acreditam na justiça...eu hein.... passei da isade de acreditar no coelhinho da páscoa, embora continue peleando,mas é difícil.

Índio Kalapalo disse...

Ainda bem que as informações sobre o processo foram copiadas e estarão disponíveis aqui logo mais. Espero.
Corrijam-me se eu estiver errado. Ações deste tipo são públicas. Todo cidadão e cidadã tem direito de saber do teor do processo. Se for assim, não podem sumir.

Anônimo disse...

Todos sabem o tipo de personalidade nefasta que é o sr.Nelson Sirotsky. Se a ocultação deste processo deveu-se a uma ação entre amigos, seria interessante uma denúncia a Corregedoria da Justiça Federal pois, que eu saiba, este elemento não tem Foro Privilegiado.

Cássio Maffazzioli

Anônimo disse...

O pivete estuprador é filho ou sobrinho deste crápula?

E esse processo anda também meio que esquecido!

Luis Rodrigues disse...

Picaretagem, né.

Anônimo disse...

E vc tinha dúvidas que isso iria acontecer, seu cloaca? a "famiglia" não é fácil. Da justiça brasileira não se pode esperar muito, já que a mesma é uma vergonha, mansinha mansinha com ricos e poderosos, implacável com os desfavorecidos.
Aliás, falando em justiça, a qtas. anda o causo do marginalzinho estuprador lá de sc, parente do capo rbsista? vão passar a mão na cabeça do canalhazinho tb?

Lau Mendes disse...

Algum sabujo poderia informar de quantos salarios minimo corresponde a sonegação do dito cujo ?

Raquel C. disse...

Cloaca, a partir de agora, quando for consultar algum processo espinhoso nos sites do judiciário, copie a tela com a imagem da pesquisa, como vc faz como Zero Hora, só ter mais provas das falcatruas que o judiciário vem fazendo.

Anônimo disse...

Se alguém souber o CPF do dito cujo, tenta tirar uma certidão negativa pela internet.

Klaus disse...

Acho que o tanto o STF, STJ, TSE e adjacências estão precisando de uma Praça Tahri! Levemos nossas vassouras e rodos para limpar estes ambientes!

Anônimo disse...

haja creolina pra limpar estes ambientes!!! acho que nem lavando com ácido sulfúrico.

Marcelo disse...

Proponho mudar a estatua da justiça!!!
Pois,a justiça neste pais não é somente cega. Ela é cega, surda e muda.

Índio Kalapalo disse...

Tem um livrinho de Stéphane Hessel, de 93 anos, lançado há poucos meses pela Indígène Éditions, chamado Indignez vous! Tem apenas 30 páginas e é o mais lido atualmente na França. Custa 3 Euros.
Proponho, como Hessel, indignez vous!

Anônimo disse...

Somente o número do processo com as iniciais do réu, deve constar nas consultas processuais da justiça.
É uma nova determinação do STF, quando o réu for uma pessoa pública.
Uma completa aberração!

Anônimo disse...

BNDES empresta dinheiro à Venezuela.
http://www.imil.org.br/artigos/pta-poltica-bndes-relao-pdvsa/

luizmullerpt disse...

Como0 acreditar na justiça brasileira se ela faz maracutaia como esta em favor dos rico e poderosos? Escanalosa atitude da Justiça Federal. Mais uma alíás. A justiça defendendo os interesses da propriedade privada dos grandões, nem que ela tenha sido adquirida através de fraude. Uma baixaria federal.

Anônimo disse...

O processo continua tramitando na Justiça Federal de Santa Catarina, o número é 2008.72.00.014043-5, basta acessar o site da justiça federal de SC – http://www.jfsc.jus.br – e pesquisar pelo número do processo que está aí em cima.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Agora só resta o demõnio RBS. Todos os outros possíveis demônios estão derrotados e ou cooptadados

Anônimo disse...

Se a Justiça é igual para todos ( é cega) o processo do "Papagaio" também deve correr em sigilo. Talvez o Papagaio não tenha esta "sorte" pois é muito amador.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Teresinha Carpes 13 disse...

Gente,eu pensei que o Vereador Adeli Sell,fosse defender um companheiro de partido,com a biografia de José Dirceu,que teve a hombridade de não renunciar,e foi cassado sumariamente,pelos Demos,Tucanalhas,parte do PMDB,do PTB(de bob Jeferson e de alguns canalhas gaúchos,fabricantes de dossiês fajutos)Adeli Sell,foi convidado,pelo jornalista Milton Cardoso,adorador do PP e de seus aceclas e da des-governadora Yeda Crusius Crédo!Ontem dia 18-02-2011,adeli estava lá,quando o Milton Cardoso,começou a´falar no "mensalão do PT",do Dirceu,do João Paulo Cunha,e de todos do PT!Eu já tinha mandado um e-mail,dia 17-02 para este mesmo programa e para o Milton Cardoso,só que os convidados eram,um do MP,e os outros todos(não sei o nome)só sei que eram anti-Lulistas!Este email,desmentia este mensalão,pois ponderei que os petistas,não precisariam de dinheiro para votar com o Presidente Lula,e nem os deputados da base do Presidente!Disse que sendo época de eleições municipais,foram feitos empréstimos,para pagar as campanhas,dos partidos,que se coligaram ou deram apoio,NAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS!!!È só conferir,porque foram pedidos pelo Delúbio estes emprestimos,no Banco Rural,e no BMG!Eu tive o trabalho de assistir toda a CPI,e vi e ouvi,o Marcos Valério,então publicitário de várias Estatais,no tempo de FHC,e o contrato não tinha ainda expirado,quando Lula assumiu a Presidência!Marcos Valério,negou qualquer aproximação com o Dirceu,ainda disse que Dirceu teria sido ríspido com êle,quando Valério,entrou no gabinete do então Chefe da Casa Civil,o então Ministro José Dirceu,Valério,era muito amigo do Presidente do Banco Rural,que tinha sido sim convidado pelo Ministro Diceu,juntamente com os Presidente do Bradesco,e do Itau,que queriam negociar com o governo Federal,dando incentivos para moradia para os mais pobres,que moravam em áreas de risco,e ou então iriam tratar também do empréstimo consignado para os aposentados!Estavam lá no gabinete da Casa Civil,onde era o forum que deveriam ser tratados estes assuntos!Dirceu,não gostou do Valério,porque sabia do Valerioduto de Minas...

Wilsoleaks Alves disse...

Valeu Terezinha, obrigado pela munição.
Seus textos são imperdíveis.

Mateus Lobato disse...

Não é esse o processo ?
http://www.trf4.jus.br/trf4/processos/acompanhamento/resultado_pesquisa_popup.php?txtPalavraGerada=dqdZ&hdnRefId=378947366f91b2418597cfc96b6ab562&selForma=NU&txtValor=2008.72.00.014043-5&chkMostrarBaixados=&todasfases=&todosvalores=&todaspartes=&txtDataFase=&selOrigem=SC&sistema=&codigoparte=&paginaSubmeteuPesquisa=letras

Teresinha Carpes 13 disse...

Um abraço Wilsoleaks Alves!