sábado, 14 de maio de 2011

RBS E ZERO HORA SÃO CONDENADOS NA JUSTIÇA POR DIVULGAR NOTÍCIA MENTIROSA






















O repórter Giovani Grizotti, a RBS TV (afiliada da Globo) e o tabloide Zero Hora foram condenados a pagar R$ 15 mil de indenização ao Conselho Cultural e Artístico Pedras Brancas, do município de Guaíba, região metropolitana de Porto Alegre, e a seu dirigente Walter Luis Lopes por terem divulgado matérias mentirosas sobre uma rádio comunitária. A sentença foi proferida no dia 4 de maio pelo juiz Giovanni Conti, da 15ª Vara Cível de Porto Alegre.
Em 7 de janeiro de 2007, reporcagens do complexo mafiomidiático gaúcho informaram que o empreendimento Rádio Jovem Comunitária de Guaíba era uma "rádio pirata" e que "as atividades de Walter Luis Lopes teriam ligações com atividades criminosas."
Tudo invenção e má-fé, como provaram em juízo os autores da ação.
O julgado aborda, no final, que a liberdade de imprensa quando exercida abusivamente, "haverá de ocasionar a necessidade de reparação no âmbito da responsabilidade civil". A sentença também condena a emissora de TV e o tabloide "a retratarem os danos, no mesmo jornal ou periódico, no mesmo local, com os mesmos caracteres e sob a mesma epígrafe; ou na mesma estação emissora e no mesmo programa ou horário".
.
Esta notícia não será encontrada em nenhum dos veículos impressos ou eletrônicos da Famiglia Sirotsky, mas se você entrar no site do Tribunal de Justiça do RS e botar o número do processo – 10900419320 - poderá ler o caso e a sentença na íntegra. Pensando em seu conforto, já fizemos isso para você. Basta clicar aqui .

18 comentários:

César Bento disse...

Alguém seria capaz de somar quanto a rede Sirotsky já teve dfe pagar em indenizações???

Guilherme B. disse...

Coisa bem feita!

O único porém, e um porém infeliz, é que os R$ 15.000,00, pelo que li do dispositivo da sentença, são o valor total da condenação, e não a cada réu (o que totalizaria R$ 45.000,00).

De qualquer forma, um ou outro valor são irrisórios para a máfia RBSiana. O Juiz deveria ter carregado mais o valor.

Como a quantia da indenização não surtirá nenhum efeito pedagógico à RBS/ZH, nós é que temos que fazer essa parte, divulgando aos quatro ventos essa notícia.

Parabéns Cloaca!

Guilherme B.

Zeza disse...

"indenização nem tão grande que se converta em fonte de enriquecimento"
!!!
Ué, mas e o que é que a RBS faz que não seja usar a mentira como fonte de enriquecimento?
Não está valendo a indenização proporcional ao dano?

Índio Kalapalo disse...

É maravilhoso ler uma notícia dessas! A gente começa a acreditar num mundo melhor...
Valeu, seu Cloaca!

turquinho disse...

Cloaca, após entrar no TJ e colocar o numero do processo diz que é processo inválido.Será que os mafiosos bloquearam o acesso???

Anônimo disse...

turquinho
o número correto para a pesquisa é este:
00110900419320
o número que o Sr. Cloaca informou não tinha o código da comarca de porto alegre, que é 001.

Anônimo disse...

15 mil? noooossa, vao ficar pobres... :P

justiça brazileira é uma piada.

Ary disse...

Se um juiz fosse acusado injustumante de ligações com o crime e a pirataria, por exemplo, qual seria a pena pecuniária do acusador? Acho que uns 450.000,00 ficaria de bom tamanho. Tem que levar em conta a possibilidade financeira do réu.

ProfeGélson disse...

Vou comprar o Correio de amanhã pra ver se essa notícia ''é mesmo verdade''!!!

H.Pires disse...

NA TRILHA DOS PROCESSOS. A noticia que segue, é só parte dos ataques sexuais do Dominique. Em sua "capivara"(esse nome é por ele ser do crime) consta inumeros ESTUPROS de Nações inteiras e sem consentimento destas. COLUNA POLICIAL INFORMA: "O diretor-gerente do FMI, o francês Dominique Strauss-Kahn, foi preso neste sábado em Nova York acusado de atacar sexualmente uma funcionária de um hotel na cidade..".

Anônimo disse...

O valor deveria ser 10 vezes maior e o pedido de desculpas deveria ocupar a primeira página durante uma semana.

Anônimo disse...

Mexe, remexe a verdade aparece: "...No dia 11 de maio de 1975, o extinto jornal "Notícias Populares" estampava em sua primeira página: "Nasceu o diabo em São Paulo". Com a manchete, nascia também a saga do Bebê-Diabo, 'uma criança peluda que apavorou a cidade nos anos 70'..". E continua apavorando até hoje no bairro de Higienópolis.

Anônimo disse...

Publicar mentiras? Mas é só o que eles fazem. Essa rbs é um verdadeiro cancer na sociedade gaucha e catarinense. Deveria ser extirpado

Silvana da Costa Alves disse...

Pouco mais de uma página de ZH no domingo já paga essa quantia irrisória. Mão muito leve do magistrado que certamente ganha mais que isso no mês...
Pra ser pedagógico, teria que ser no mínimo 4 vezes este valor pra cada um dos réus.Brasileiro só aprende quando dói no bolso.

Thomás disse...

Nem o Paulo Roberto Falcão (comentarista do Grupo RBS e Casada com uma jornalista da RBS)consegue aguentar a RBS: http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2011/05/13/falcao-se-irrita-com-jornalista-e-diz-que-criticas-tem-outros-interesses.jhtm

Júlio disse...

7 de janeiro de 2007??? Mais de quatro anos depois do estrago?

15 mil reais??? Não paga nem o café da manhã dos Sirotsky.

Definitivamente, pra quem pode pagar, calúnia e difamação compensam nesse país.

Joel Bueno disse...

Errado está o Sr. Cloaca. Segundo a RBS (e a minha calculadora), em 2017 ainda restarão 9.602 viventes sobre a face da Terra.

Cloaca News disse...

Caro Joel: estes 9602 não resistirão às doenças transmissíveis e perecerão antes do Juízo Final.