quinta-feira, 18 de junho de 2009

MAPAS DE SERRA E SECRETÁRIO-LOBISTA EXPÕEM MAIS UMA FALCATRUA TUCANA

De acordo com as informações fornecidas à imprensa amiga por Roger Ferreira, assessor-fantasma de Paulo Renato Souza, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo "mandou recolher 50.628 mapas-múndi por erros gráficos que alteram a divisão regional do Brasil". A imprensa amiga - e sabuja - fez o que sempre faz: publicou, sem investigar. Se tivesse o mínimo interesse em fazer Jornalismo, teria encontrado, no Diário Oficial, o resumo das operações entre a Fundação para o Desenvolvimento da Educação - FDE e a ilibadíssima Brink Mobil Equipamentos Educacionais, empresa curitibana responsável pela confecção dos mapas. Segundo o extrato oficial da transação, foram comprados 40 mil desse mapas bichados, ao custo unitário de R$ 16,15. Existe, portanto, uma diferença de 10.628 mapas - ou R$ 171.642 sem explicação. Para os padrões tucanos, convenhanhos, é uma mixaria. O curioso, no entanto, é observar que há mais 24 tipos de mapas no pacote da FDE, o que elevaria essa "diferença" a quase 4 milhões de reais. Você encontrará todos os detalhes de mais essa bandalheira no recém inaugurado NaMaria News, que, a partir de hoje, passa a integrar nossa seleta lista de indicações.
ILUSTRAÇÃO - Boticelli - O mapa do inferno de Dante

11 comentários:

NaMaria disse...

O que eu mais admiro é vossa competência em encurtar aquelas minhas léguas de pesquisas e ainda criar algo inteligível - além de belo.
Vamos em frente, allons y!
Agradeço a acolhida e a recíproca é verdadeira.

Carlos disse...

grande cloaca,

parabéns pela persistencia ancorada por sua honestidade. bonito, né?
ou por outra, meta o relho nessa demotucanalha que ela merece.

abçs

Midia Terrorista disse...

Mapa por mapa, para o direitista psdb e aboletados, tanto faz. Eles vendem tudo no atacado mesmo. Fazem o pacote vendem e pegam o cheque. Se está errado, com uma linha a mais ou uma a menos, é tudo igual. Para quem compra Nossa Pátria, vendida por esses imundos direitistas, interessa sim é o que se encontra no subsolo desse "espólio". Mas, enquanto isso, faz recolhe, faz recolhe, CHEQUE NO BOLSO e educação no fundo do poço.

Educador que não cala! disse...

Carta da professora Adma Fadul Muhana (veja em naotecalaseducador.blogspot.com)

Mas há primaveras

A comunidade universitária e a opinião pública têm procurado, atônitas, acompanhar os acontecimentos recentes na Universidade de São Paulo. Como acreditar que professores, alunos e funcionários da USP, em especial da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, sejam criminosos cujos atos merecem ser severamente reprimidos com bombas de efeito moral, gás lacrimogêneo e gás pimenta? Como acreditar que querem destruir seu patrimônio, agir com violência e causar danos aos demais? quem acredita nisso? por quê?

Se se compararem as informações e declarações dos últimos dias, será possível repor a situação. Em plena negociação salarial, em 25 de maio, a Reitoria fechou as portas do prédio e não deixou parte da comissão de negociação entrar. Ao agir assim e quebrar a regra da cultura democrática instituída, não era improvável que soubesse da reação dos estudantes que, impedidos de entrar, poderiam forçar a porta e fazer uma “invasão” relâmpago. Mas, depois dos acontecimentos de 2007, havia uma resolução do Conselho Universitário autorizando a Reitoria a chamar a polícia quando julgasse necessário, a qual foi aplicada.

Docentes e estudantes sabem ensinar e estudar, principalmente. Talvez até, de um modo um tanto canhestro e desafinado, também saibam protestar. Alguns estudantes gritam e chegam a tirar cadeiras e pô-las diante das salas de aula, impedindo a entrada nelas – sinais de sua impotência, de sua insegurança e da desinformação acerca de outros canais de manifestação mais legítimos e eficazes, de que os professores (ainda) dispõem. Mas essa alegada “violência” estudantil não tem parâmetro com as armas usadas pela PM, treinadas para eliminar malfeitores, e descontentes. .. Inacreditavelmente, a atual reitora da Universidade de São Paulo pensa que...

Leia mais em: naotecalaseducador.blogspot.com

Anônimo disse...

Não entendi o que Ideli Salvati, Mercadante, Artur Virgílio e outros estão tentando fazer com a dívida do estado de São Paulo (precatórias)para não pagar? O senhor entendeu? Pode me ensinar do que se trata?
Outra que não entendi foi o salário de uma diretora de escola da lista do Kassab ganhar em torno de R$105.000,00,e simultâneamente uma escola do estado, de período integral, deixar os alunos passando fome porque não houve licitação?
Longe de mim sugerir matéria, apenas gostaria de entender, de verdade!!!

Anônimo disse...

O jornal da Bandeirantes deu essas notícias inda agorinha!

Mosca 1 disse...

Mas, minha gente, atentem para o fato de que o fim da obrigatoriedade do diploma de jornalista finalmente vai garantir uma imprensa livre e independente para o nosso país!

Anônimo disse...

Olá olá
Sobre a imprensa pernambucana q vc pediu sugestão qto a posição da mesma, sugiro, caso seja do seu interesse, escutar pelo site www.radiojornal.com.br às 16:00h o programa do radialista Ednaldo Santos, se tiver estômago, e vc verá como é a imprensa desse meio de comunicação. Ele intitula seu programa de "debate", no entanto só quem fala é ele, o editorial é dele e não tem contraditório. Fala as bobagens ditas pelo imprensa grande do sudeste, induz o ouvinte a jugar erradamente. Depois q fala as baboseiras ele abre o telefone p ouvir se o ouvinte é favor ou contra o assunto q ele pautou. Tds os programas q ele transmite é radicalmente contra o Presidente Lula. Aqui em Pernambuco o LUla tem 97% de apoio segundo tds as pesquisas feitas pelos órgãos competentes, mas esse radialista é de uma estupidez atróz. Eu escuto na madrugada a repetição do programa dele, e tds as vezes tenho um ataque de raiva, pareço masoquista, mas escuto p ver até onde vai a desfaçatez desse camarada.
Se tiver estômago escute e vc terá um retrato da imprensa de Pernambuco, especialmente das organizaçóes Jornal do Comércio a mesma do tal Jomildo.

Zanuja

Anônimo disse...

É de morrer de rir.. vejam:

OBAMA&FOLHA: Na mosca. Demais!

http://www.youtube.com/watch?v=4mvp0x2oznw

Anônimo disse...

O senhor viu ou ouviu?

o governo do estado de SP, está mandando cartas aos pais de alunos da rede estadual convocando-os a irem prestar serviço (gratuito)nas escolas para lavar banheiros, cozinhar,secretariar, fiscalizar, enfim toda mão de obra necessária para que os filhos tenham aulas!
Os pais de filhos de escolas da zona sul já estão levando comida desde semana passada!!!Os que não podem deslocar-se para tal, denunciam que seus filhos estão recebendo uma barra de cereal como alimentação "para período integral"!!!

A. Webber disse...

Meus Caros,
A dupla Nosferatu & Galo Capão vai terminar com a educação em São Paulo.
E pensar que Galo Capão já foi Ministro da Educação...
A. W.