quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

A INCRÍVEL SUPERAÇÃO DO TABLOIDE MAIS ENGRAÇADO DO BRASIL


Clique sobre a imagem para gargalhar às pregas soltas.
Para rir mais, clique aqui, aqui, aqui, aqui ou aqui.

48 comentários:

J. Paes disse...

Hahahaha!!!

Cappacete disse...

Desculpa aí seu Cloaca, mas deve ter coisa pior nesse jornal para denunciar, deixe a crítica gramatical de lado, dos erros desse jornal, os do texto são os menores.
Abs!

fugereurben disse...

A polícia civil usa uniforme em operações oficiais.
se o policial não estava usando uniforme no momento, está correto dizer que ele estava à paisana. significa que, fora a carteira e do distintivo, ele não possuía nada que o identificasse como policial. O seu destaque não faz sentido. melhor destacar o último parágrafo e sua ambiguidade, não acha?

cuidado com essa sanha perseguidora, cara. Acaba desacreditando seu valioso e engraçadíssimo trabalho.

fábio mello disse...

Paisana significa "não militar". Se o policial era civil...

Remindo disse...

Os meninos nem devem ter se formado, ganham um pouco mais do que o salário mínimo.

Remindo disse...

Só não entendi de quem era o comparsa, do policial ou do assaltante.

CHIKO disse...

POLICIAL CIVIL NÃO USA UNIFORME! A PAISANA SIGNIFICA dizer que já é CIVIL (SEM UNIFORME) VEJAM NO ORELIO

Yacov disse...

Não tem essa de dizer que policial civil anda uniformizado em operações oficiais... Como se houvesse operações não oficiais. COmo seriam???? E policial civil, só é civil, porque não usa uniforme, como os policiais militares. Acho que o repórter da ZH está tentando disfarçar a comida de bola, seu Cloaca. Pau nele!!!

"O BRASIL PARA TODOS não passa na glOBo - O que passa na glOBo é um braZil para TOLOS"

Anônimo disse...

e dai? que bobgame ssa "denucna", ta parecendo reclaque pegar bno pé por coisa tão pequena.

Anônimo disse...

De fato, o jornal é ruim como todos, mas não custa nada chamar a atenção para coisas grandes. A burrice e incompetência dos "jornaleiros" já é consagrada, e nem precisa de destaque.

Anônimo disse...

De fato, o jornal é ruim como todos, mas não custa nada chamar a atenção para coisas grandes. A burrice e incompetência dos "jornaleiros" já é consagrada, e nem precisa de destaque.

Anônimo disse...

Detone mesmo Cloaca! As pessoas têm muita pena dos jornalistas... não é sanha perseguidora não! Eles merecem a zoação gramatical sempre!!

Flipe disse...

O que importa que agora BH tem o "maior" "jornal" do Brasil!

luizmullerpt disse...

Eu sou a favor da obrigatoriedade de Diploma para jornalistas serem contratados como tal. Merecia que o MEC desse uma olhada mais a fundo nos cursos de jornalismo que andam por aí. Cloaca, eu por convicção nem leio mais esta porcaria da ZH. Tenho pena destes jornalistas que passaram por cursos meia sola e ainda por cima tem que trabalhar pra "famíglia" Sirotsky. Daqui a pouco, além de errado, com certeza vai escapar alguma mentira que o chefe encomenda.

Zeza disse...

Para aí um pouquinho.
Vem cá, ô Cloaquinha! Explica aos teus leitores que a perseguição aqui é com o jornaleco, não com a categoria profissional...

Ó, vou lançar uma frase de camiseta (ou adesivo de pára-choques):
"Sou jornalista, mas sei escrever!"

Fogaça disse...

Na boa, meu amigo: tu és um cara muito frustrado. Deves ter deixado currículo na Zero Hora e não te deram emprego.
Não gosto da Zero Hora, mas o Correio do Povo historicamente sempre teve problemas sérios de revisão, sem falar no terrível conteúdo só superado pelo Diário Gaúcho.
A não ser que tu sejas mais um discípulo do "Bispo" Edir. Bom, então estará explicado o teu ranço com relação a turma local do finado Marinho.
Não fiques triste com meu comentário, leio o teu blog com frequência, mas já está ficando um pouco monótono passar por aqui.
PT saudações.

Cloaca News disse...

Na boa, caro Fogaça: tristes, tristes com seu comentário não ficamos, não. Bateu, sim, uma certa frustração pelo fato de você, pessoa inteligente e sensível, não perceber que este blog não está preocupado com "erros de revisão". Presumimos conhecer a diferença entre ignorância e "erro de revisão". Está certo que apontar as boçalidades rotineiras do tabloide da RBS já está perdendo a graça. A questão é que a estupidez de ZH amiúde vem acompanhada da calhordice e da má-fé, não necessariamente na mesma notícia. É disso que tratamos, amiguinho.
........

Este humilde blogueiro tem elementos suficientes para acreditar que você, Foçaça, seja, de fato, o ex-prefeito da capital gaúcha. E, por isso mesmo, estranhamos que você tenha dito que "não gosta de Zero Hora". Quanta ingratidão, Fogaça! Aqueles mafiosos passaram seis anos mascarando sua inoperância administrativa e abafando suas bandalheiras, Fogaça. Você até emprestou a Usina do Gasômetro para que eles fizessem festinha de aniversário, lembra? A propósito, cadê os R$ 9,6 milhões desviados do PSF??? ZH não toca mais no assunto, Fogaça. Por que não escreve para eles, com seu português escorreito, cobrando o acompanhamento desse caso?
........
Volte a compor, Fogaça. Na boa.

Anônimo disse...

Estes jornalistinhas têm a mesma formação que o pessoal dos cafundó do interior do Brasil onde o José Simão colheu certa época em um cabelereiro a seguinte pérola: "Estico cabelo e pinto"

Anônimo disse...

Estes jornalistinhas têm a mesma formação que o pessoal dos cafundó do interior do Brasil onde o José Simão colheu certa época em um cabelereiro a seguinte pérola: "Estico cabelo e pinto"

luizmullerpt disse...

O Fogaça defendendo o estupro da lingua portuguesa feito pela "famiglia"?? Não sei não. Daquia pouc ele vai pra Floripa, ocupar o espaço do Luiz Crlos Prates e defender que quando um Sirotsky esupra alguém, não é estupro, é só "uma brinadeira de adolescente". Coisa feia.

Wilsoleaks Alves disse...

Sugestão para o Fogaça:
Passe no cabeleireiro do Zé Simão e mande esticar. O cabelo...

Jorge Stolfi disse...

Prezado Cloaca, acho que desta vez não há barrigada. Tanto a Polícia Militar quanto a Civil tem uniformes. "À paisana" quer dizer que o policial não estava uniformizado naquele momento.

Geysa Guimarães disse...

Mas que absurdo, policial civil à paisana! Cadê a farda?

Anônimo disse...

TÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓÓIIING!!!!!!!!

Cacetada!

Anônimo disse...

seu cloaca, favor ver esta "IMPRENSADA" do G1

http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2011/01/bebe-que-sobreviveu-morte-da-mae-em-acidente-esta-em-estado-grave.html

Anônimo disse...

"IMPRENSADA" está correto olha quem deve estudar português

A. F. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
A. F. disse...

Gente, tem um cara que foi amamentado pelo PiG:

http://twitter.com/#!/OceaniAdriano

http://ruminantia.wordpress.com

Ele vê a realidade como se sua cabeça fosse um aparelho de televisão. A verdade, para ele, é só a da grande mídia.

Por favor, peço a vocês para iluminar um pouco o carinha porque ele andou enraivecido com uns textos que escrevi e que vão contra a "realidade" que ele tanto acredita.

Anônimo disse...

Não adianta mandar o Fogaça compor, pois depois de 16 anos de incompetência no Senado, e mais o descalabro da sua administração de Porto Alegre, tenho sérias dúvidas sobre a autoria daquelas duas músicas. Por favor sr. Cloaca, continua mostrando a analfabetice funcional desses caras.
flavio cunha

Aracy disse...

Hmmm, deixa ver se entendi: o ZH quis dizer que o policial não estava usando folha de parreira para cobrir as vergonhas?

Professor Eduardo Lima disse...

Senho cloaca,leia a segunda parte da minha resenha do livro O Sequestro da História - Livro que critica Gabeira e o filme O que é isso companheiro?.

http://www.comunistas.spruz.com/pt/Resenha-do-Livro-Verses-e-Fico-O-sequestro-da-Histria-parte2/blog.htm

Anônimo disse...

Cloaca, tu é um pé no saco e muito burro. E essa negaiada que te elogia uma turma de inúteis pior ainda.

Abraços.

Murilo Silva disse...

cloaca, está deixando o blog em segundo plano? Cadê postagem nova?

Anônimo disse...

Ao anonimo que me chamou de jovem, obrigado pelo jovem.
Fui estudar portugês e olha o que descobri:
IN-, IM-, I- negação; falta ex.: intocável, impermeável, ilegal, então "IMPRENSADA" nega que ela foi prensada pelos dois caminhões.
O G1 está com um nivel inaceitavel de "escrivinhadores"

Gilmar Antonio Crestani disse...

A matéria foi editada por um jornalista à paisana...

Anônimo disse...

Olá,Sr. Cloaquinha!
Eu sei que o seu blog é tirar sarro e descer o cacete na grande mídia que, na minha humilde opinião, já se encontra em queda livre, não sem um empurrãozinho dos “sujinhos unidos”, e isso é ótimo.
Mas eu vim perguntar se não dá para o sr. falar sobre o nióbio, já que me parece um verdadeiro tabu entre outros blogueiros “sujos”. Li sobre o assunto nos comentários do Azenha; Postei no Fora de Pauta no LN, enviei e-mail para o PHA e o Eduardo Guimarães e até agora nada.
Qual é o problema de se falar sobre o nióbio se o petróleo, o pré-sal é badalado a todo momento e pelo pouco que soube o nióbio é mais caro que o petróleo?! Qual seria mistério sobre o nióbio?!

Do blog
http://www.viafanzine.jor.br/ronaldo.htm

sds

Anônimo disse...

O site
http://www.viafanzine.jor.br/ronaldo.htm
foi colocado por mim e não pelo dono do site, ok?

JORGE LOEFFLER .'. disse...

Pois essa Rede Bunda Suja pode usar esse seu jornal de merda para limpar a própria bunda.
E há idiotas que ainda acreditam na linha editorial deles.
No penúltimo mês de dezembro recebi deles uma advertência via email de que não poderia usar material da edição eletrônica de ZH no meu blog. No dia seguinte respondi à senhora que havia enviado o email dizendo que leio o Correio do Povo faz 60 anos e mais recentemente O Sul por serem mais honestos em suas linhas editoriais e terem menos analfabetos em suas redações.
Os palhaços são petulantes. Ano passado escrevi artigo com o título Festa da Fumaça e postei em site de Osório onde assino coluna. No dia seguinte eles reclamaram ser o texto ofensivo à RBS e exigiam fosse tirado do ar. O editor do site disse a eles que falassem comigo. Até hoje ainda não se pronunciaram. Eis o link:

http://www.litoralmania.com.br/colunas.php?id=1444

Felipe Amaral disse...

kkkkkkkk

Senhor troll "fugereurben" podia olhar no dicionário o que é paisana antes de falar bobagem. Então quer dizer que um gari sem uniforme está a paisana o ombecil?

Segundo o Priberam:

paisana
s. m.
1. Indivíduo não militar.
à paisana: em trajo civil.

paisano
adj.
adj.
1. Compatriota, patrício.
2. Que não é militar.
3. Inexperiente.

Ou seja, policial civil à paisana é uma REDUNDÂNCIA, PLEONASMO. Se eles tem preguiça de procurar no dicionário, três segundos no google resolvem o problema kkkkkkk!

Anônimo disse...

Uau, como a esquerda evoluiu na crítica aos jornais. Realmente este é um erro imperdoável. Se fosse nos blogs progressistas, jamais você encontrará qualquer erro gramatical. E muito menos erros de concepção e compreensão do mundo. Valeu Lixo news!

Anônimo disse...

Ao Fugereurben: Toda missão policial é Oficial, se não for está em desvio de conduta e fazendo o que não deve. Não há qualquer obrigatoriedade na policial civil em usar veste que o identifique como policial, muito menos norma ou portaria que determine isso. Policial Civil é um civil, que não militar. Pronto. Usa roupa identificatória aqueles que preferem ser identificados como tal, mas não uma imposição da instituição.

J. Eduardo R. de Camargo disse...

"Policial civil à paisana"? Fico tentando imaginar como isso seria possível! Hilário!

Michel disse...

Ao anônimo 28/01/11 15:52 que pôs o link do G1, digo que "imprensada" é aceitável. Mas como o PIG é o PIG, para não perder a viagem procurei alguma outra coisa na mesma matéria. E, claro, achei.

Eis o trecho:
"A mãe atravessava a rua, fora da faixa de pedestres, quando foi atropelada. Com os ferimentos da impacto, o bebê foi expulso da barriga."

Sentiu firmeza na concordância? Sentiu firmeza na elegância textual?

Anônimo disse...

Certamente. São MUITO delicados e elegantes...

Apenas, Marcia disse...

É como dizer subir pra cima e descer pra baixo! Se erros como esse são despresados, imagina a qualidade da linha editoral...

Jefer disse...

Marcia, o correto é despreZado, com "z" e não despresado com "s" como tu escreveste.
Este erro demonstra teu cinhecimento sobre linha editorial.

Anônimo disse...

Nossa! Não sabia que os policiais civis usavam farda. Via ver é uma nova modalidade de polícia "inventada" pela governadora PSDBesta: "Policiais civis com farda."

Francisco Amado disse...

hahahahahahaha